sábado, 11 de fevereiro de 2012

Tristeza



Todo o discurso falado
Todo o futuro pensado
Todo o tempo perdido
E também o choro derramado

Passado: assassino do que você tinha em mente
A realidade fica na memória
Para falar a verdade, nem sei se acabou de repente
E nem ligo, de fato, para sua história

Mas, eu sou bom de mais para o mundo me abalar
E gostaria que pensasse assim sobre você
Tire os sapatos e sinta os pés no chão
Pois ainda tens muito para viver.


Eu não devia consolar você, mas eu quero.
@blackwind1
FALOU! o/
 

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Engraçada essa tua intimidade com as palavras... Continuo adorando tudo que você escreve! (:

    ResponderExcluir